segunda-feira, fevereiro 9

Inícios para Livros - 77ª Edição

Especial Continhos


#1
Esperara por muito tempo o retorno de Marinalva, dez, vinte, trinta anos, tantos anos tristes que de desgosto faleceu.

#2
Nelsim era pequeninim e montava como aventureiro de capa-e-espada em seu nobre mastim para conquistar o coração de sua amada donzela Serafim.

#3
Sem vírgula nem ponto sua história se contava de forma estranha sem pausas sem respiro e ou suavidade era assim sem mais nem menos sem nenhum critério literário sem nenhuma noção quem quer que tentasse entendê-lo desentendia quem quer que sequer tivesse o mínimo de paciência desistia isto não tinha mais fim até que um louco ou santo há quem o diga com um terçado pôs ao chão o bom e velho Percival dando finalmente à sua história um real e literário ponto final

#4
- Lingüisticamente falando, Alberto, quero enfiar uma lingüiça calabresa no cu do filho da puta que tranqüilamente e sem dó aniquilou o pobre trema da nossa nobre língua.

#5
Zé-sem-teto morava no mato, carregava concreto pra comer um prato, tinha afeto por uma moça sem tato, e sem saber era neto do rico Deodato.

#6
Com todo o carinho que tinha por sua amada, retirou cuidadosamente todos os ossos e vísceras de maneira que não estragasse sua pele macia e cheirosa, para pendurá-la ao lado de seus livros do Machado.

#7
Lentamente levantou sua saia e pôs-se a lamber suas pernas roliças, e subiu e subiu até que finalmente começou a mordiscar levemente seu saco. SACO?

#8
Lulu e Lena eram irmâs siamesas presas pelas tetas.

#9
Vovó adorava ouvir minhas peripécias sexuais - já vovô preferia apenas cozinhar.

#10
Serelepe, Joaquina saltou três metros depois de atropelada.




Edições anteriores: 1ª à 25ª Edição; 26ª à 50ª Edição; 51ª à 75ª Edição; Especial Duas Palavras

Marcadores:

6 Quimeras:

@ fevereiro 09, 2009 10:47 AM, Blogger Robson Arruda disse...

"Serelepe, Joaquina saltou três metros depois de atropelada."

serelepe

AHSOAHSOHASOHAOSHAOSHAHOS

 
@ fevereiro 09, 2009 11:22 AM, Blogger Fabio Ciccone disse...

Cara... ler texto sem vírgula é praticamente impossível.

 
@ fevereiro 09, 2009 12:00 PM, Blogger Takren disse...

SACO?

 
@ fevereiro 09, 2009 2:06 PM, Blogger André disse...

nao vamos nos dar bem - voce é um intelectual e eu um analfabeto. belo trabalho mas minha capacidade de raciocionio nao consegue captar ser trabalho/boa sorte e muito sucesso.

 
@ fevereiro 09, 2009 4:16 PM, Blogger J.F. de Souza disse...

Esse texto sem vírgula e ponto me fez lembrar de algumas pessoas com quem trabalho... (Como é ruim ler email que esse povo manda...) =P

Mas perae! SACO?

 
@ fevereiro 11, 2009 5:34 PM, Anonymous Zeca Selvagem disse...

puts o do Serelepe foi foda!!!

 

Postar um comentário

<< Página Principal