terça-feira, junho 19

URGE O TEMPO

O
TEMPO
URGE
TEMENTE
ENQUANTO
PASSA
RÁPIDO
NA
FRENTE
DO
RELÓGIO

O
TEMPO
MENTE
CAPTO

O
TEMPO
DES
TEMPERA
QUALQUER
COMPROMISSO

O
TEMPO
DES
PREPARA
O
TEMPO
PERDIDO

O
TEMPO
PASSA
DISTRAÍDO
ENQUANTO
A
VIDA
MORRE
A
CADA
SEGUNDO

O
TEMPO
GARGALHA
DO
NOVO
MAL
DO
MUNDO


Fazia tempo que eu não publicava uma poesia por aqui.
Esta é uma anti-celebração para o que vem acontecendo comigo e com todos vocês...

Marcadores:

14 Quimeras:

@ junho 19, 2007 12:14 PM, Anonymous Sombra disse...

Olhaí o que os prazos irreais que os clientes exigem fazem com as pessoas....

:O]]

 
@ junho 19, 2007 12:16 PM, Anonymous Fabio Ciccone disse...

Muito boa!

 
@ junho 19, 2007 2:13 PM, Blogger Jefferson de Souza disse...

Realmente, fazia tempo, mr Lasak...

O Tempo nao pára
A Vida segue
Mas a gente
nem sempre
consegue acompanhar

 
@ junho 19, 2007 3:16 PM, Blogger Tahkren disse...

Não tava com tempo pra ler o poema, alguém pode fazer um resumo?

 
@ junho 19, 2007 4:25 PM, Blogger Legalmente Celle disse...

gostei do arranjo, mto inteligente!

ps: mudei de blog, antes era dona do www.clubsocial69.blogspot.com
bjusssssssssssssss

 
@ junho 20, 2007 11:54 AM, Blogger Marlon disse...

gostei.. muito boa

 
@ junho 20, 2007 3:46 PM, Anonymous Marina disse...

Esse post me lembrou uma música do Anal Cunt.
O gustbook do site reloaded, ou seja, assina lá de novo.


bjks

 
@ junho 21, 2007 6:49 PM, Anonymous TAI disse...

Olá!
q poesia linda!!!!!
saudads...!
té +...!

 
@ junho 22, 2007 5:18 PM, Blogger Juliana Pestana disse...

O tempo ... o tempo urge, o tempo voa. O tempo nos faz cada dia mais sem tempo.
Mas ainda assim eu consegui vir aqui te chamar pra me ver. Olha como eu tô bonito de roupa nova?! ;-)

Bjão.
Mendoscopia.

 
@ junho 24, 2007 1:08 PM, Blogger André disse...

tudo tem seu tempo!

 
@ junho 27, 2007 1:10 AM, Blogger Alê Namastê disse...

Tempo, tempo...tempo!
Lindo texto!

 
@ junho 27, 2007 10:10 AM, Blogger Leandro Jardim disse...

Hehe, com maestria, muito bem captado!

tem um convite pra vc lá no Flores, Pragas e Sementes!

 
@ junho 27, 2007 4:52 PM, Blogger Tiago disse...

comigo não, mister. tô devendo uma visita a vc. a vc e ao grande toro sentado aí do teu lado. abraço. e adorei o lance do tempo. mas o tempo e relativo...

 
@ julho 10, 2007 11:46 AM, Blogger André L. Soares disse...

Bom dia! Excelente poema. Aliás, não apenas esse. O blog todo é de muito bom gosto e os textos são ótimos. Por enquanto li somente os dois últimos, como faço sempre na primeira vez que visito um blog. Excelentes mesmo! Depois voltarei para ler mais. Estou dando um ‘passeio geral’ pelos blogs relacionados à literatura, principalmente poesia e prosa. Gostei muito do seu blog. Vou adicioná-lo ao meu blog, bem como favoritá-lo no ‘blogblogs’, para que possa visitá-lo mais vezes. Quando puder, visite também meu blog, no endereço: [ http://poemasdeandreluis.blogspot.com ]. Sinta-se à vontade... a casa é sua,... e, gostando,... por favor, também adicione meu blog e ao seu ‘blogblogs’, ‘techinorati’ etc. Vamos tentar ampliar a rede de intercâmbio artístico-cultural, influenciando-nos e aprendendo mutuamente. Grande abraço!

 

Postar um comentário

<< Página Principal