quinta-feira, janeiro 29

Explicação de Gírias Paulistas - Parte #1

Çi-pà

Lê-se: sipá

Termo francês-vulgar, etimologicamente originado de ça va, mas com significado bem diferente. Surgiu na avenida Paulista, nos anos 1990, dentre as rodas de bar. Diz-se que um francês recém-chegado à São Paulo alugou um apartamento neste logradouro e saiu pelas ruas à noite atrás de conversa, álcool e amor. Encontrou pessoas simpáticas em um parque próximo a um museu, recebendo convites correspondentes às suas expectativas.


Aplicação principal - Afirmativa duvidosa:

Exemplo 1
Çi-pà te acompanho até aquel canto escurro da parrque, querrida...

Exemplo 2
Çi-pà nós vamos à festa da Joaquina.

Exemplo 3
Çi-pà ele pega aquela gostosa hoje mesmo.

Exemplo 4
Çi-pà tem jeito?





Bhay Anuh

Lê-se: baiano


Termo originário do Tai-kadai, família lingüística da qual o tailandês também faz parte. O significado literal de bhay anuh é: "estrangeiro que vem do ocidente para tomar nossas vagas de trabalho". Em São Paulo esta expressão surgiu por volta dos anos 1980, tendo significado um pouco parecido: "qualquer indivíduo nascido acima de Minas Gerais que veio à São Paulo atrás de trabalho". Com o tempo, esta palavra tornou-se muito utilizada na linguagem coloquial, ganhando mais de um significado.


Aplicações:

1. Substantivo. Que ou o que é de outra cidade (acima de Minas Gerais)
Ex: Hoje em dia, o que mais vemos em São Paulo é bhay anuh.

2. Substantivo. Que ou o que é proveniente, característico de outra nação
Ex: Aqui tem italiano, japonês, libanês, coreano, chinês, gringo e bhay anuh de monte.

3. Adjetivo de uso informal
Ex: O Aderbal é meio bhay anuh, mas mesmo assim é uma gracinha.

4. Adjetivo de uso pejorativo¹
Ex: Esses bhay anuh pegaram todas as vaga, porra!

5. Adjetivo de uso pejorativo²
Ex: Que puta vestidinho bhay anuh, Maria Rita!

Marcadores:

11 Quimeras:

@ janeiro 29, 2009 4:21 PM, Anonymous Nat disse...

Çi-pá esse post é muito bhay anuh.

 
@ janeiro 29, 2009 4:31 PM, Blogger J.F. de Souza disse...

Huhauhauhuahuahuahuahuahuahuhaua...

Excelente!!!

 
@ janeiro 29, 2009 4:40 PM, Anonymous Anônimo disse...

çipá eu adorei!

 
@ janeiro 29, 2009 4:58 PM, Blogger Takren disse...

Çi-pá, né?
ANÔNIMO SEI QUEM É VOCÊÊÊÊ!

 
@ janeiro 29, 2009 5:03 PM, Anonymous Anônimo disse...

ÇIPÁ SE SABE

 
@ janeiro 29, 2009 5:12 PM, Anonymous Mauricio Simões, tá ligado? disse...

Orra, meu! Tu é paulista e não sabe falá as gíria, mano?

 
@ janeiro 29, 2009 5:14 PM, Blogger Pamella B. disse...

Çi-pá é o melhor, ushushushs! Adorei!

 
@ janeiro 29, 2009 5:48 PM, Blogger Fabio Ciccone disse...

Gostei bagaray (aliás, bagaray pode ser o próximo verbete, hehehe)

Mas eu não sou neutro, já que sou geek de etimologia e linguística :P

 
@ janeiro 30, 2009 12:46 PM, Blogger Vitor disse...

çi-pá tu ta marcano, firrrmeza? Coisa de bahy anu escreve essas coisas...

I otra, tu ta me deveno um chopps cuns pastel hein... orra meu, vamo marcá!

 
@ janeiro 31, 2009 12:48 PM, Blogger Humberto Camargo disse...

Aê brother, parabéns pelo blog.
Bastante interessante.
Bahy anu foi massa!

 
@ janeiro 31, 2009 9:11 PM, Blogger Fernandinho disse...

hahahahhaah

 

Postar um comentário

<< Página Principal