sexta-feira, dezembro 4

Microcontos #6

Veja também: #1; #2; #3; #4; #5


Razão

Diva Gina Berta odiava seus pais.


Culpa

Da categoria, a pior existente é a ressaca moral.


Sentido

A vida é como o revólver: ora acerta-se o alvo, ora o próprio pé.


Remorso

- Ah, se eu fosse um inquisidor sangrento prestes a torturar uns hereges...


Nêspera

Pêra, pêra, pobre pêra, sobrou-lhe apenas desespero.


Despedida

Mariano já foi tarde.


Natal

Todos da família escolheram aquele dia para morrer.


Ciúme

Antes de entrar em qualquer lugar, Honorato urinava nas pernas de Marinalva.


Incesto

Joana amava seu filho acima de qualquer coisa.


Pudor

Lisboeta nunca admitira sua tara por bukkake.


Zoofilia

Aquele potro possuía um rabo deveras guloso.


Psicopatia

Amadeu acreditava ser o emissário de Lúcifer, e sua missão era exterminar todos os mensageiros da paz.


Bênção

Josué acreditava ser o emissário de Deus, e sua missão era exterminar todos os mensageiros do mal.


Dislexia

Ovôv uiv a avu.


Perdão

Sinceramente, não sabia como me desculpar por tudo aquilo que escrevi.



.

Marcadores:

3 Quimeras:

@ dezembro 04, 2009 2:11 PM, Anonymous tiburcio disse...

"Era uma vez um autor que gostava de economizar no teclado"

 
@ dezembro 04, 2009 2:45 PM, Blogger André Lasak disse...

Hehehehehe

 
@ dezembro 14, 2009 3:36 AM, Blogger Beto Brandão disse...

O PADRE, A MOÇA

7.

Quando lhe falta o demônio
e Deus não o socorre;
quando o homem é apenas homem
por si mesmo limitado,
em si mesmo refletido;
e flutua
vazio de julgamento
no espaço sem raízes;
e perde o eco
de seu passado,
a companhia de seu presente,
a semente de seu futuro;
quando está propriamente nu;
e o jogo, feito
até a última cartada da última jogada.
Quando. Quando.
Quando.


Carlos Drummond de Andade - Lição de Coisas - Ato

 

Postar um comentário

<< Página Principal